Como lidar com dados altamente confidenciais?

Como lidar com dados altamente confidenciais?

Mais do que nunca, as empresas estão preocupadas com a segurança dos seus dados. A entrada em vigor do novo regulamento geral de proteção de dados acontece já em maio e esta nova legislação tornou os gestores mais conscientes sobre a importância de garantir a confidencialidade dos dados. A par disso, vivemos uma era digital, onde as ameaças de ataques informáticos são cada vez maiores. Por isso, é imprescindível que as empresas adotem medidas para proteger a sua informação, sob pena de esta se perder e comprometer a continuidade do negócio. No artigo de hoje, vamos responder à questão: como lidar com dados altamente confidenciais?

Criptografia e mascaramento de dados

Os arquivos que têm dados e relatórios confidenciais devem ser protegidos através da criptografia, pois assim evita-se que qualquer pessoa tenha acesso aos dados. Através da criptografia, apenas as pessoas responsáveis pela informação conseguem ter acesso a eles. Caso seja necessário trabalhar com os dados em ambientes não-produtivos, pode optar pelo mascaramento de dados, uma técnica que substitui os dados reais por outros fictícios, mas realistas, garantindo a integridade referencial de uma base de dados.

Defina termos de confidencialidade

Como lidar com dados confidenciais num ambiente corporativo é algo ainda difícil para muitos gestores. Contudo, um dos primeiros passos a dar nesta área é a criação de proteções jurídicas. Todos os contratos de trabalho devem incluir termos de confidencialidade, de modo a que cada colaborador tenha a obrigação legal de não divulgar a outras pessoas as informações de negócio. Os termos de confidencialidade devem ser utilizados também nos contratos feitos com terceiros, visto que muitos fornecedores para trabalhar necessitam de ter acesso a dados sensíveis.

Treine os colaboradores

São as pessoas que precisam de saber como lidar com dados altamente confidenciais, por isso, é preciso investir na formação dos recursos humanos. Os colaboradores devem estar conscientes da necessidade de proteger a informação e não podem criar senhas e deixá-las em cima de uma secretária, nem de se ligarem a uma rede wi-fi pública para consultarem dados sigilosos. A formação dos colaboradores deve contemplar não só os aspetos técnicos, mas deve ser capaz de engajar todas as pessoas para as ameaças de ataque que existem.

Faça backup frequentemente

De nada serve saber como lidar com dados confidenciais e não fazer nada para protege-los em caso de ataque. Não existem sistemas perfeitos e por mais segura que a informação esteja, ela não está livre de sofrer um ataque e de se perder. Por isso mesmo, é essencial adotar políticas de backup. Deve fazer backups da sua informação com bastante frequência, para que seja possível recuperar os dados em casos de falha no servidor ou na cloud.

 

Conheça as soluções da IT PEERS a nível da segurança da informação e comece hoje mesmo a garantir a confidencialidade dos seus dados!

Sobre o autor

andreia.rocha administrator

2 comments so far

Entenda a relação entre mascaramento de dados e segurança da informação | Datapeers | Proteja a sua informaçãoPublicado em9:38 - Mar 12, 2018

[…] mascaramento de dados visa a criação de uma versão dos dados estruturalmente idêntica, mas não igual. Esta técnica […]

Glossário de gestão de informação: 20 termos que precisa de conhecer | MultipeersPublicado em10:55 - Ago 13, 2018

[…] mascaramento de dados visa a criação de uma versão dos dados estruturalmente idêntica, mas não igual. Esta técnica […]

Deixar uma resposta